A força de vendas como um verdadeiro diferencial competitivo.

Quantas vezes você entrou em uma loja e acabou não levando nada por conta de um mal atendimento ou falta de conhecimento por parte do vendedor?

Agora pense em quanto tempo você dedica para capacitar, treinar e motivar os vendedores e balconistas da sua loja.

Pensando nisso, o Conexão Plastilit pesquisou e reuniu algumas dicas importantes e que podem ajudar você a tornar sua equipe de vendas ainda mais efetiva.

Antes de começar, queremos frisar que esses são alguns conselhos em um universo de infinitas possibilidades e que, cabe a cada lojista, identificar as necessidades de seus clientes e dessa forma adaptar as técnicas ao seu público e à sua forma de fazer negócio.

Infelizmente não há uma receita de bolo e também não temos espaço suficiente para colocar todas as possibilidades, portanto, é de extrema importância a pesquisa e estudo contínuo, além  de estar sempre atento as mudanças e novidades.

Uma força de vendas bem treinada, com conhecimento sobre o produto, boa argumentação e simpatia é a ferramenta que sua empresa precisa para encantar e fidelizar clientes.

Mas como manter os colaboradores motivados, focados e, principalmente, em constante aprendizado e em sintonia com as novas tecnologias?

Em primeiro lugar é muito importante ver e tratar a equipe de vendas com a importância que ela merece, como uma parte estratégica que irá lhe proporcionar todo o suporte para um melhor entendimento das necessidades, anseios e desejos dos clientes. Afinal, é ele quem está em contato direto com todos que entram e saem da sua loja.

O segundo ponto é fazer o controle das vendas, saber quanto cada um de seus colaboradores vende por mês e, a partir desses dados, estabelecer metas e previsões de vendas. Fazer um histórico mensal de quanto foi vendido é importantíssimo para traçar estratégias para o futuro, o controle deve ser feito levando em consideração todos os fatores externos que possam ter colaborado para que aquele resultado fosse alcançado.

Lembre-se que para saber o que acontecerá no futuro você deverá sempre olhar para o passado.

Em terceiro lugar estão o discurso de vendas e os treinamentos constantes. A sua equipe tem um discurso bem alinhado com as necessidades da empresa? Se a resposta for não então é preciso analisar com muito cuidado o que seus vendedores estão falando quando atendem um cliente. Se necessário, crie uma cartilha de vendas, com os principais produtos, argumentação de vendas para esses itens e um bom discurso corporativo.

Os treinamentos são vitais para um bom desempenho comercial. Conhecer o produto e saber qual a melhor solução para um eventual problema é o que mais ganha vendas em qualquer lugar do mundo. Não esqueça que muitas pessoas não tem conhecimento técnico ao fazer uma compra e ter vendedores que possam atuar como consultores dos clientes irá aumentar a sua credibilidade como empresa e proporcionar maiores ganhos e vendas no futuro.

 

Agora que você já deu os três primeiros passos é a hora de pensar na remuneração desses vendedores. Eles recebem prêmios ao atingir ou superar a meta estabelecida? O pagamento de comissões, bônus e prêmios pode ser uma estratégia muito interessante quando há a necessidade de vender uma linha específica de produtos ou mesmo aumentar o volume de vendas. Que tal aplicar um bônus caso seus colaboradores aumentem em 10% a venda de um dos itens mais rentáveis do seu portfólio de produtos?

Não se esqueça de inovar quando fizer as campanhas, de testar e tentar. Atitudes iguais geram sempre os mesmos resultados, portanto, se você quer uma mudança deve começar a agir de forma diferente desde já.

 

 

2 comentários sobre “A força de vendas como um verdadeiro diferencial competitivo.

  1. ESTÁ DE PARABÉNS TODA EQUIPE PLASTILIT POR TODO SUPORTE, A SEUS COLABORADORES, SEJA TREINAMENTO, ESCLARECIMENTOS TÉCNICOS, INCENTIVOS ATRAVÉS DE COMISSÕES. ESTOU NA PLASTILIT COMO PROMOTOR DE VENDAS Á 14 MESES E QUANDO OLHO PARA TRÁS E LEMBRO DOS TRABALHOS PASSADOS VEJO NA PLASTILIT O “DIFERENCIAL” QUE TODA EMPRESA PRECISA TER AGREGADO A SEUS COLABORADORES PARA O SUCESSO E CONQUISTA DO MERCADO …PARABÉNS PLASTILIT !!!

  2. Parabéns pela abordagem desse tema, pois, logistas de pequeno e médio porte normalmente não fazem ou estabelecem indicadores de acompanhamento individual dos seus colaboradores de vendas e, com isto, tratam o assunto de uma maneira global, com cobranças genéricas a todo o Time.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.